[De Minha Autoria] – Paula Mirella

Flores sob meu pés, imensidão a minha direita, liberdade ao outro lado. Me imagino num vasto campo de pensamentos, e tudo o quanto há de sentimentos que passaram por minh’alma. Me sinto viva e ao mesmo tempo vazia, e o que mais poderia, já que estou dentro de mim? Percorro corredores da alegria, e entro em quartos inundados de dores e agonias. E agora, tão mais penso que eu poderia ter me alimentado de melhores sensações. De fazer meu coração uma casa apenas de gratidão e amor por várias gerações. Mas como toda casa junta poeira se não for cuidada, assim abandonei meu coração. Agora o retomo, como que exaustada sentindo temor e aflição. É a hora. Ajude-me na limpeza por favor.

Paula Mirella

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s